17 de jan de 2012

4 Um conto especial: A Visita da Saudade


Hi! Aqui estou para incomodá-los!
Primeiro de tudo, queria agradecer aos 220 seguidores *-* Estou muito feliz com tanto carinho! Me sinto honrada até! Devo muito a vocês, de verdade. Agradeço de coração.
Queria mostrar a todos um texto que acabei de fazer. Este texto é um conto, mas é uma segunda versão do conto A Visita da Saudade. Lembra desse texto? Não? Então Clica aqui!
Fiz esse conto para o blog Além de Palavras, Sentimentos, que é o blog onde eu posto contos.
Eu simplesmente peguei um texto sentimental e transformei num conto! Espero que gostem da ideia =D

A Visita da Saudade - O Conto
  Em um dia como outro qualquer, a moça que morava na casa mais humilde da rua, recebeu uma visita inesperada.
  Tocaram a campainha e ela foi ansiosamente atender. Estava à espera do carteiro, mas não era ele quem estava do lado de fora.
  Baixinha, gordinha, com um sorriso malicioso e muito fofoqueira, a velha Saudade bateu na porta dessa moça. A jovem tinha recém se recuperado da ultima visita dessa criatura, e agora, ela retornou para mexer em seu coração.
  A velha avançou para dentro de casa, mesmo sem ter sido convidada, e disse:
- Olá querida amiga, estou de volta! Estou entrando em seu humilde coração para te fazer mais uma visita!
  Numa tentativa de fugir da visitante, a dona da casa disse:
- Ah! Que pena! Poxa, tenho compromisso, e logo terei de sair!
Não importava quantas e quais desculpas ela dava, nenhuma adiantava, nada faria aquela criatura ir embora sem antes mexer com as suas emoções.
- Hein? O que pode ser mais importante que a visita da Saudade?! Não se preocupe, não vou demorar. Só vim lhe trazer noticias do seu amor...
- Noticias? Que noticias? - Sem perceber, a moça estava caindo na armadilha da velha fofoqueira.
- Eu o visitei. E adivinhe, ele sente sua falta! - Disse a Saudade.
- Como? Visitou? Mas você me prometeu que nunca mais iria visitá-lo, você prometeu nunca mais incomodá-lo! - A moça estava se irritando, a Saudade sabe como mexer com as pessoas.
- A senhora Saudade nunca abandona suas memórias, e nunca deixa as pessoas que visita esquecê-las.
- Mas você prometeu!
- Ah! Eu me esqueci. - Além de fofoqueira, era mentirosa. Aquela velha fofoqueira nunca se esquece de nada. - Mas deixe-me te contar! Ele ainda pensa em tudo! Nós falamos sobre você!
- Falaram o que sobre mim? - A moça se esqueceu de que qualquer descuido poderia dar a chance da Saudade apertar seu coração e deixar marca.
- Conversamos sobre vocês, a quanto tempo vocês não se veem. Ele sente falta de você, do seu carinho, do seu sorriso...  - Respondeu com aquele mesmo sorriso malicioso de sempre.
- Eu também sinto a falta dele... - A jovem se arrependeu ao dizer isso, quando viu o terrível sorriso daquela senhora aumentar. Era exatamente o que Ela queria ouvir.
 - Se você sente tanta falta dele, por que não vai vê-lo novamente? Já vai fazer um mês que não o vê!
- A Distância não permite, lembra?
- Ah! Distância! Uma ótima palavra para usar nas minhas próximas visitas! - Disse ela para si mesma, rindo alto. - Oh! Distância! Por que insiste em manter esse casal separado?!
  Então a saudade se dirigiu até a porta e disse:
- Meu trabalho por aqui já está completo! Minha visita já foi feita! Sei o quanto você tem que pensar agora, então vou embora. - Deu uma risada sarcástica
  Depois de um suspiro, a Saudade colocou a mão dentro da bolsa e disse:
- Ah! Eu já ia me esquecendo... - Tirou uma carta selada de lá de dentro - Ele queria que você recebesse isso! Tenho que ir. Até logo.
  A saudade saiu pela porta da casa e a moça ficou com a carta nas mãos. Era a carta que esperava, com noticias do seu amado. Entretanto, a visita que recebera deu notícias o suficiente para que seu coração se apertasse mais...
  Aquele sentimento voltara...
  Ela estava com saudade.

4 (Ins)Pirações:

Katy°

Amei oque escreveu Post novo coment? bjs rawr --> http://mundodemeninasteen.blogspot.com

Jeito Inédito

Pior que é bem assim, mesmo (e nem precisa ser gordinha e de sorriso malicioso!) uma lembrança, uma palavra que te lembre aquela pessoa e bam: vc acaba ficando mal e com saudades novamente.
Ótimo conto (de novo, eu quero uma partezinha da sua criatividade pra mim!!!), M!h

comenta?
jeito-inedito.blogspot.com

Fernando Gonçalves

Olá, parabéns pelo seu blog.
Te convido a conhecer o meu,
http://carmasepalavras.blogspot.com/

;)

Bell

Seguindo seu lindo blog.

bjokas =)

http://meusegredosbell.blogspot.com/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...